Hello world!

Welcome to WordPress.com! This is your very first post. Click the Edit link to modify or delete it, or start a new post. If you like, use this post to tell readers why you started this blog and what you plan to do with it.

Happy blogging!

Anúncios

Documentário: Beleza tamanho GG

quarta-feira, agosto 22, 2012  Love Girls  

Encontrei na internet essa produção independente de quatro alunos da Faculdade Social da Bahia, que propõe valorizar a auto-estima das mulheres gordinhas, quebrando o tabú do padrão de beleza imposto pelos meios de comunicação. É o Beleza Tamanho GG que tem a Participação da cantora Nara Costa.

Confiram:

View the original article here

Pequenas histórias sobre grandes mulheres #2

sexta-feira, agosto 17, 2012  Iara Maria Carvalho  



A primeira vez em que Isadora sentiu a quentura de suas mãos, foi quando se conheceram. Foi na escola. Ele era seu professor. Sentiu sua mão quente no ombro, ela, só uma menina de 14 anos, gordinha, agradável, um pouco bonita talvez, que boniteza é só um detalhe. Ele, um museu de homem: nao pelos fios brancos que já se anunciavam, mas pela grandeza que transparecia, muito solícito, quase sempre de braços cruzados e um meio-riso que causava delírio nas alunas. Ensinou a Isadora as manhas do vôlei, da bola, da vez. E ela aprendeu.A segunda vez em que Isadora sentiu a quentura de suas mãos, foi quando, anos depois, se reencontraram. Foi no supermercado. Ele era sua lembrança. Um encontro de mãos diante de uma caixa de extrato de tomate, uma conversa boba de reencontro, “está mais cheinha!”, ela fingiu não ouvir. Um encontro com direito a lições sobre o sódio nos alimentos e sua ação prejudicial à saúde. E ela aprendeu.A terceira vez em que Isadora sentiu a quentura de suas mãos, foi quando elas percorreram seu corpo cheio de curvas durante o primeiro beijo. Foi num bar. Ele era seu amante. Ela: menina aos 20, louca de costume, muito mais sabiá do que sábia, diante de um homem maduro, controverso, muito mais galo que galã. Quis ensinar-lhe os posições do Kama Sutra. E ela aprendeu.A quarta vez em que Isadora sentiu a quentura de suas mãos, foi quando os dois dividiram uma mesma chave. Foi no apartamento novo. Ele era seu marido. Muito mais por preguiça que por causa do seu peso. ele não a levou no colo. Ela tinha arranjado os melhores móveis, uma geladeira pra chamar de sua. Ele deixou tranquilo seus antigos compromissos e quis mostrar à moça as magias e agruras da vida a dois. E ela aprendeu.Muitas vezes se repetiram. Muitas mãos a tocaram. Mão de flor, de flauta, de ferro.A mão de ferro manchou o corpo de Isadora.Ela, que aprendeu a acreditar no amor eterno, ficou interna, doente, demente, de amor.Esqueceu-se de Isa, e ficou só Dora. A Dor.Foi quando sentiu pela última vez a quentura de suas mãos. Foi uma quentura na cara, nas costas, no ventre. Uma quentura bem no meio de seu avesso. Ele bateu, ela chorou. Ela explodiu, ele mimou. Quis trazê-la com regalos, comprou-lhe o melhor vestido, travestiu-se de santo, ajoelhou-se, lavou seus pés e os enxugou com o melhor vento de sua boca. Mas Isadora, mais Dora que Isa, mais mágoa que amor, resistente, não se rendeu. E, como sempre, aprendeu.****************************************Gostaria de lembrar que as histórias são ficcionais, ou seja, não tratam de pessoas específicas e histórias necessariamente reais, embora possam se inspirar nelas. As histórias não têm a intenção nem de enaltecer nem de menosprezar o ego das gordinhas. É uma forma de trazer à discussão qualquer olhar sobre quem está fora dos padrões. Só mais uma coisa: as histórias contadas e as opiniões expressas não refletem a minha opinião pessoal sobre as pessoas gordas. É uma provocação, como deve ser toda forma de Arte.


View the original article here

Quem curte um amorzinho de luz acesa, levante o braço!!!

sexta-feira, agosto 24, 2012  Iara Maria Carvalho   É gente, parece que o assunto tá batido, mas não. Toda hora é hora de contribuir para o #BoicoteDuloren. Quem ainda não soube do babado ultra preconceituoso, veja aqui.Massss…. falando sobre o título do post, vamos combinar: não é pra qualquer um fazer amor de luz acesa né não?! Quem aí arrisca? Quem se joga? Hoje em dia não sou muito adepta, confesso que fiquei meio complexada, ou complexada e meia, com a minha barriga depois do baby vir ao mundo há quase cinco anos. Mas, de vez em quando ainda me atrevo… e não dói!Nos meus tempos antigos de gordinha era diferente. Como assim, tempos antigos de gordinha? Eu não sou mais? Não. Sou obesa. E esse é um assunto do qual quero tratar depois, coisa que tenho lido há trocentos anos, mesmo na nossa casa, nesse mundinho Fat que às vezes parece se inflar de preconceito também. Já li várias declarações do tipo: “uma coisa é ser gordinha, outra é ser obesa…”, ou ainda “estou falando de obesas, não de obesas mórbidas”… daqui uns dias ainda vou ler a pérola “ser obesa mórbida é tudo de bom, triste mesmo deve ser quem é super-obesa”… Padronizações imbecis existem em qualquer movimento, olhemos para o nosso umbigo também. Revoltas à parte, o que importa nesse momento é a luz acesa. A luz acesa revelando os detalhes e acendendo os desejos. A luz acesa preparando o momento e fazendo ascender o que precisa estar bem elevado (ui!). O fogo, a fúria, o tesão, a luxúria, a tara, a carne… tudo isso não te lembra algo luminoso, faiscante, transbordante de sensualidade e prazer? Sem a luz acesa, como encontrar o ponto G, aquele ponto de luz que a mulher inventou só pra que os homens nunca deixem de procurar?! Sem a luz acesa, como perceber a vermelhidão do corpo que anuncia estar ali correndo sangue fervendo, gemidos fervorosos ao pé da cama?Obviamente que luzes apagadas também fazem um bem danado: descobrir onde está o que te interessa, tocar-se no escuro, lamber, brincar com os mistérios um do outro… não é à toa que se fantasie tanto com os olhos vendados, as mãos amarradas, os pés imobilizados, cada um no seu canto da cama… Luz acesa ou não, o que importa é: com que intenção apagar ou acender? Fantasia a dois ou vergonha de si? Se a carne tá um pouco flácida, ou volumosa demais, ou branca de cegar, ou osso de roer… eu pergunto: tá fria também? Porque ninguém gosta de comer carne fria. Há quem goste de um corpo mais flexível, bom de apertar, fácil de morder, e quente de querer. Tem quem queira um corpo mais avantajado, mulher de encher a cama, onde possa perder a cabeça, os pés, as mãos, a boca, a alma: sendo quente, até o cartão de crédito se perde! Existe aquele que curte uma pele quase nunca tingida de sol, ou naturalmente escura, desde que gostosa e quente. Pensam os tolos que a maioria prefere a mulher magra, esguia, de proporções quase perfeitas; pode não ser a maioria, mas tem quem curta uma moça com saia curta e pernas alongadas, muito quente no beijo e sem pesar quase nada. Pensando assim, quase me convenço de que meu complexo não é com a barriga, não é com meu corpo. É com minha cabeça. Quando estamos de bem conosco, é fácil ligar a luz, é fácil jogar o edredom pro alto e nos mostrarmos como somos. Pra algumas pessoas, o bem-estar se alcança só com a companhia das pessoas queridas, com uma vida saudável e ativa, com realizações profissionais. Pra outras, ter tudo isso e não se sentir bonito e atraente, não é suficiente. Não podemos julgar nem uns, nem outros. Façamos o nosso melhor por nós. Seja de luz acesa ou apagada, não se oprima. Não se obrigue a ligar a luz, porque é o que se espera de uma mulher bem resolvida, nem se imponha uma luz apagada só porque, para o mundo e para a Duloren, uma mulher de peitos fartos e testemunhas da lei da gravidade, não deve ser vista a olho nu. Só seja feliz com a escolha que fizer. E para os que pensam adivinhar o que é bonito ou feio, adequado ou inadequado, decente ou indecente, só um gesto basta: levanta bem o braço e ergue o dedo do meio. Um dia eu crio coragem…

View the original article here

Anônimas plus size posam de lingerie para campanha

segunda-feira, agosto 20, 2012  Love Girls  

A marca britânica de lingeries Ultimo realizou um concurso para escolher suas novas garotas-propaganda. A intenção era escolher mulheres reais para os catálogos de calcinhas e sutiãs da grife. As informações são do Daily Mail.


O concurso elegeu 10 mulheres para posar com lingeries da marca  –   


As candidatas deveriam enviar fotos vestidas com roupas normais para serem avaliadas por um júri da marca. Uma das vencedoras do concurso, Sophie Linfield, de 26 anos, ainda não havia se inscrito quando foi descoberta elo CEO da marca, em um voo da companhia aérea em que ela trabalha como aeromoça.


“Depois disso, enviei as imagens, mas passaram algumas semanas e não tive retorno. Achei que fosse só uma dessas coisas malucas que acontecem. Depois de um mês, recebi um telefonema dizendo que eu havia ganhado o concurso. Não pude acreditar”, conta Sophie.
A comissária de bordo, que nunca foi modelo, disse ao Daily Mail que não se sentia confiante com seu corpo, que não é esguio como o das modelos. Ela usa tamanho 14, que corresponde à numeração 44 no Brasil.


Além de Sophie, foram escolhidas outras nove mulheres anônimas, que vestem manequins que vão do 38 ao 48, para representar a marca. A campanha contribui para a conscientização da prevenção do câncer de mama e colo do útero.


Retirado do Portal Terra


View the original article here

5 Luxos e só! (#2)

sábado, agosto 18, 2012  Love Girls  


Vamos a mais uma rodada das nossas indicações semanais (as vezes quinzenais..) Hoje excepcionalmente serão 6 luxos. O primeiro é a foto da Tati Gaião..


A Maravilhosa Tati Gaião Ilustrando nossas indicações hoje!!
1. Dica de looks para gordinhas #7! – O blog O Fantástico Mundo De Ana fez um apanhado de alguns looks bacanas para as gordinhas


2. Não odeie os magros porque o mundo não está adaptado para os gordos – A Fabiana Camilo em seu blog fez um post muito interessante sobre o inverso da gordofobia. Recomendado!


3. Moda que Usamos: Camisa Mullet – Não sei vocês, mas eu adoro ver a Kalli Fonseca do blog Beleza Sem Tamanho mostrando looks.


4. Fazendo dieta? Bem vinda ao Vietnã! – A Iara do blog SMM fez um post sobre dietas. Recomendadissimo!


5. Lingerie Coisinhas da Day – Do 38 ao 54! – Esse é para as catitas. Langerie pras plus size. No Blog Fofashions


View the original article here

por widecash Postado em Luxos

EU QUEROOOOO…POSSO!?… PUTZ, SERÁ QUE EU CONSIGO ?

domingo, agosto 19, 2012  Gláucia Queiroz  


Esse já é o terceiro texto de apresentação que eu faço (essa é a desvantagem de se escrever nos finais de semana, quando filho e marido ficam o tempo todo em casa e não ficam 1 minuto sequer sem te chamar rs) e só agora acho que encontrei a essência exata do que eu quero falar. Começou assim, fiz um texto do tipo “oi, sou fulana!” e não gostei (me achei aquelas menininhas oferecidas que chegam nas rodas de amigos querendo roubar atenção rs). Depois fiz outro texto já meio que apresentada e também não curti (lendo soava arrogante e por isso não me traduzia fielmente), fiz outro meio naquela e o salvei no PC e provavelmente se não tivesse surgido esse aqui, ia ser ele mesmo ( putz, apesar de ninguém ter me cobrado por isso,desde sexta.f com a permissão para postar, já estava sentindo como se tivesse pego as chaves das mãos de alguém e desaparecido em seguida kkkkk).  A inspiração me veio bem na hora do almoço enquanto eu sacava o garfo para mais uma levada de comida a boca. Quando estou tendo idéias não tenho bem uma hora de inspiração (dãaaa) para isso, já escrevi post’s até no banheiro e acreditem, não deram em merd* como aposto que você pensou agora kkk.Desde o convite do Love (aquilo foi um convite néh Love?! rs) para escrever aqui que eu estou pensando no que iria postar, não que eu não tenha idéias (as tenho por demais as vezes kk), ma na verdade se ia fazer uma coluna de tema fixo ou seguir a linha da maioria, com temas variados para não limitar minha escrita. – Então pensei: bem, o site é completo a meu ver, tem cabeça e pernas (expressos pelas idéias e opinião do Love que atribuindo ao conjunto da obra faz o corpo andar), tem corpo curvilíneo onde a Gee e Aline (um pouco sumida confesso) se dividem na graça e beleza trazendo sempre aqui novidades no quesito moda, etc agregando sempre a nós gordinhas mais beleza e estilo; tem coração (pulsados pelos textos maravilhosos, bem centrados que trazem nossa queridíssima e ternurinha Iara Carvalho) e tem uma opinião superfeminina sem ser feminista da nossa colunista cute cute Milly (essa sim deu uma sumida forte).Bem, Continuei minha linha de raciocínio tentando descobri o que faltava por aqui para não ficar sem emprego antes mesmo de começar a trabalhar (calma Love, eu tow ligada que é um trabalho não remunerado, é só jeito de falar okays, não aperte o botão do pânico sem precisar kkk) e isso durou até a hora do almoço acreditando piamente que não faltava nada me perguntando o que eu iria fazer aqui. Chegou então minha hora preferida do domingo e num sacar das idéias eis que surge como um estalo: Falta barriga pow!!! Não a barriga propriamente dita, que essa nós gordinhos já temos e ostentamos por aí com orgulho da nossa fofurisse voluptuosa que nos define, ora como seres que somos, ora como seres de onde viemos (um belo almoço de domingo ou um dia num rodízio de churrascaria muda tudo minha gente kkk), mas a barriga traduzida em estômago; a parte faltante deste corpo; que recebe o alimento deglutido efervecendo-se para nos saciar. – Estômago…como não pensei nisso antes, todo mundo come (já dizia o microempreendedor que quer investir num negócio próprio e não quer “perder dinheiro”) e me diga, que gordinho (a) que não gosta de comer ?! Claro, existem aqueles gordos (as) que recentes na condição do Extra- peso ou mesmo inadimissíveis em sua gordura abdominal vão passar a vida dizendo que isso não passa de retenção de líquido; mas… minha gente, vamos parar de mentir? Vamos nos assumir, nos amar e não só ficar na condição de assumidos quando estamos com outros gordos (as)? A gente é gordo (a) pow!*#, que que tem isso, me diz ?? “ – É o preconceito que tu tens que te mata e faz as pessoas te matarem primeiro dizendo “FOI O GORDINHO (a)!!!” por ter percebido em você que, a tua maior fraqueza é não se aceitar como tu és, sacaram?! “ (já dizia nefasta encorporando aquele poeta filósofo português rs).Então serei o estômago okays, e prometo trazer aqui num compromisso descompromissado (que só quem se junta ao invés de se casar sabe bem como é isso) o alimento, para que com a participação de vocês através dos comentários (eu sempre quis dizer isso! Kk) possamos degluti-lo numa digestão efervescente, superconectados , cada um com sua experiência ou ponto de vista, compartilhando uns com os outros as idéias, como o verdadeiro pão servido na ceia. E na montagem completa desse corpo dar a ele um movimento diferente, único, um balançar que só uma gordinha maravilhosa tem nos quadris, quando sai por aí, graciosa pelas ruas.Espero que gostem, curtam, compartilhem, cutuquem, enfim, queiram bem minha participação por aqui!Ah, esquecí de me apresentar, vou assinar por aqui como Glaucia Queiroz,mas todos me conhecem como Nefasta…a mais nova colunista aqui do GM, tenham muito prazer!


View the original article here

Superpop – Plus Sizes

quinta-feira, agosto 16, 2012  Love Girls  

Carla Manso e Luciana Gimenes – Fonte: Blog Fatshion
Sei que vocês vão dizer que o programa é ruim e que odeiam a Luciana Gimenes. Mas no programa do dia 08 de Agosto de 2012 as Plus Size foram o tema principal do programa superpop da RedeTV. Oprograma está completo so divido em 4 partes. Confiram!


Modelo gordinha posa de lingerie e tem orgulho do corpo

Julia Pires, modelo pluz size, diz que gosta de suas curvas e se sente feliz com as formas mais abundantes. Veja também: gordinha e magrinha vão às lojas chiques de São Paulo.


Ex-gordinho emagreceu, mas ainda prefere as cheinhas

Estilo Adele ou Lady Gaga? Gordinhas e magrinhas disputam o gosto dos homens. Marcelo Xepa, que pesava 208 quilos e perdeu metade deste peso, garante que sempre foi bem resolvido, mas que sentiu a saúde melhorar muito depois do emagrecimento. No gosto para as mulheres, ele diz que prefere as gordinhas.


Passistas gordinha e magrinha testam resistência no samba

Qual passista samba por mais tempo? A gordinha ou a magrinha?


Personal revela quem venceu o desafio físico

Quem tem mais fôlego? Gordinha ou magrinha? Confira quem levou a melhor no duelo da esteira. Luciana também deu o veredicto no caso das passistas!


View the original article here

Sutiã tamanho 52 e outros pitacos

Eu hoje queria dar meus pitacos sobre uma porrada de coisas, algumas plus size, outras não. Mas vou tentar nao ser prolixo e ver se encaixa tudo, o que faltar eu tento escrever no fim de semana.


Na boa, Precisa apagar a luz e levantar os braços pra seduzir um homem?
Primeiro eu queria falar sobre a DuLoren. Pra quem não sabe ainda o que aconteceu, no facebook da marca de lingerie tinha uma foto que parecia escaneada de um jornal em que a estilista Denise Areal dizia que os seios das gordinhas no novo “sutiã elevador” da marca iriam apontar pro céu, mas se era pra seduzir, que tié no escuro que vai cair tudo. Mamãe sempre dizia que se não era pra ser agradável, que calasse a boca. E a Duloren, apesar das outras campanhas bacanas, conseguiu desagradar.


Uma coisa que é obvia e ululante é a ação da gravidade em mulheres com seios 52. É grande é pesado e nem a engenharia explicaria ele se manter apontando pro céu. Seria como manter uma laje sem vigas. E eu acho que todo admirador de gordinhas sabe que a não ser que se use silicone rígido, não há possibilidade de mante-los erguidos. E é ai que não entendo o tom de chacota da coisa. Porque luz apagada e levantar os braços? Nós admiradores de gordinhas preferimos um seio enorme e caído na Mao do que dois voando. Afinal quem definiu que pequeno apontado pro céu é mais bonito do que enorme apontando pro chão? São belezas diferentes e devem ser vistas como tal, cada um no seu quadrado sem esculachar o outro.


Na minha opinião isso só prova o quanto tem marca que não suporta gordinha, mas ta tendo que engolir por que é um mercado promissor. Prefere odiar em silencio do que perder o mercado. Mas às vezes solta uma piadinha de mau gosto. Na moral: Foda-se quem não respeita.


A outra coisa do meio plus que eu vi, e ri muito foi um facebook chamado sinceridade plus size. Têm tiradas que são como piadas internas de quem esta no mundo plus. Mas é um tapa na cara de muita gente do meio. Separei algumas frases pra vocês terem idéia de como é o bagulho:


Sabe o que é pior de tudo? 99,9% encaixam em muita “dona” do meio plus por ai. E as pessoas não podem nem refutar porque é isso mesmo!


Dou-lhe Uma


Um homem e duas mulheres, que já viviam juntos na mesma casa há três anos em Tupã, SP, resolveram regularizar a situação. Eles procuraram o Cartório de Registro Civil e fizeram uma escritura pública de União Poliafetiva.


Não sou contra isso não, para mim é cada um no seu quadrado, inclusive gosto muito da idéia (brincadeirinha, Gee, larga essa pistola…) só queria saber as pessoas que são radicalmente contra o casamento gay o que acham disso.


Dou-lhe Duas


Alguem viu o caso da banda russa Pussy Riot que foi condenada a Dois anos de cadeia porque cantou uma musica contra o presidente da Russia Vladimir Putin? E a anistia internacional, o que diz disso? Faz parte do G20 pode tudo?


Dou-lhe Três


A Barbie russa foi convidada a fazer um filme pornô. Na boa gente, quem quer ver essa mulher que parece de borracha fazendo sexo? E ela vai transar com quem? Um playmobil? O Ken não tem bilola…


Dou-lhe Quatro


O parlamentar pelo Estado de Missouri Todd Akin, um conservador republicano candidato ao Senado na eleição deste ano nos Estados Unidos, afirmou em entrevista levada ao ar no domingo que o corpo das mulheres pode prevenir gravidez em casos de “estupros legítimos”, e acrescentou que a concepção nesses casos é rara.


Akin respondeu a uma pergunta sobre sua opinião quanto ao aborto realizado por mulheres vítimas de estupro. “Se é um estupro legítimo, o corpo feminino possui formas de tentar de fechar essa coisa toda”, disse ele.


O cara é candidato ao senado americano! Em pleno sec. XXI o cara acredita nisso! Imagina esse imbecil fazendo leis!


Dou-lhe Cinco


O soldado britânico Jason Hughes foi condenado a nove anos de prisão após bater em sua noiva por sete horas seguidas e cortar sua garganta com o objetivo de fazer ela ‘ficar feia’. Ele espancou a moça depois que ela terminou o relacionamento que tinham segundo o site ‘Daily Mail’.


Pra mim nove anos só é pouco! Tinham que ser Nove com um cara de 2 metros de altura fazendo com ele o que ele fez na ex-namorada!


Dou-lhe Seis


Um cão da raça pit Bull ficou ferido em uma briga com um porco espinho, na madrugada desta segunda-feira, na cidade de Coxim, no Mato Grosso do Sul. O cachorro teve mais de 1000 espinhos cravados pelo seu rosto, patas e dentro da boca enquanto atacava o animal em uma oficina, a 243 km da capital Campo Grande.


Sei que quem gosta de animais vai me xingar, mas bem feito pro pit-bull!


Dou-lhe Sete


A Igreja Universal do Reino de Deus foi condenada pelo Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) a pagar R$ 10 mil, a título de indenização, a uma fiel. Na ação, Alcione Saturnino dos Santos relatou ter sofrido, em 2001, num templo da igreja localizado em Sumaré, na região de Campinas, interior paulista, agressões físicas de pastores sob alegação de que ela se encontrava “possuída pelo demônio”, após um ataque epilético.


Acho 10 mil muito pouco! Tinha era que tirar o capeta do pastor que fez essa besteira!


E pra fechar nosso videozinho da semana: Uma estudante de direito estava tão bêbada que tentou ligar o carro com um canudo de dinheiro. E o pior disse que por ser estudante de direito sabia as brechas da lei pra não ser presa. Ela estava sem habilitação e bêbada igual a um gambá*


Por isso que essa porra desse pais não vai pra frente!!


Ate semana que vem!


* Se alguem souber a origem dessa expressão “bêbada igual a um gambá” me conte nos comentários!


View the original article here